Gil Van Delft, CEO da Michael Page, fala sobre tendências do mercado de trabalho

Postado em:
24/8/21

Já parou para pensar em como o mercado de trabalhoserá daqui a alguns anos? Nos últimos anos, as transformações tecnológicas eeconômicas começaram a acelerar, chamando a atenção para as tais “profissõesdo futuro”.

O Conselheiro do Sol, Guilherme Azevedo, fundador daAlice empresa de saúde, e co-fundador do Dr.Consulta, entrevistou Gil VanDelft, CEO da Michael Page - empresa parceira e doadora do Instituto, parasaber sobre as tendências do mercado de trabalho para os jovens.

Daqui a 5 anos, quando muitos Jovens Sol ingressaremno mercado de trabalho, o que terá mudado

Muito difícil prever o futuro do mercado de trabalho,ainda mais hoje em dia, quando as mudanças tecnológicas provocam transformaçõesem postos de trabalho e setores como um todo. Mas o que podemos afirmar é que atecnologia vai ser cada dia mais presente no nosso trabalho. O impacto dainteligência artificial, programação, robótica, Blockchain entre outrastecnologias serão grandes. Além disso, acredito que as relações entre pessoas epaíses se tornará mais importante ainda, por isso, o conhecimento de outrosidiomas e culturas será crucial.

E nesse contexto, quais os cursos e profissões que terão mais demanda detrabalho?

Os cursos com uma conexão mais próxima à tecnologiavão dominar, mas sempre necessitamos de seres humanos. Teremos novas profissõesque ainda não conhecemos. Cursos de Administração, Economia e Engenharia sempreforam uma boa base para alimentar o empreendedorismo no país. O curso nãodefine 100% a profissão, mais importante que isso, é aumentar a capacidade deraciocínio lógico para solucionar problemas.


Quais as competências fundamentais que esses jovens deverão desenvolver?
Relacionamento interpessoal, capacidade de aprendizagem, adaptabilidade ecomunicação assertiva.

Que critérios os jovens devem usar para escolher seucurso e universidade?

Escolher algo que gosta, para que tenha paixão outalento no que faz. Por outro lado, muitos jovens ainda não sabem, ou têmdificuldade em tomar uma decisão, para eles sugiro que escolham cursoscomo Administração, ampliando ainda mais a base para exercer várias profissõesdepois. Vale à pena conhecer diferentes tipos de faculdade, algumas têmmetodologias mais apropriadas para o estilo de vida que a pessoaleva. Outros critérios como distância, ser integral ou não, e uma eventualparceria com o setor privado podem ser interessantes ao avaliar.


Como os jovens devem passar a ver a carreira e segurança/estabilidade noemprego? 
Planejar bem a carreira pode Ihe dar estabilidade, principalmente se conseguirentrar em empresas de grande porte, multinacionais ou nacionais. Estas empresastêm mais recursos e, normalmente, uma visão a longo prazo para passar pormomentos de instabilidade econômica num país como o Brasil. Também oferecemmelhores benefícios e cursos internos e externos para continuar aprendendo.Iniciar a carreira em uma destas empresas para depois, arriscar um poucomais em startups pode ser interessante.

Por que fazer uma faculdade ao invés de se capacitar em cursosespecializados? Ter faculdade será importante no futuro?
A faculdade vai dar uma base muito mais sólida para o futuro. Conhecimento éimportantíssimo. Recomendo a todos os jovens finalizarem uma faculdade, edepois, procurar um curso de especialização para ampliar o seu conhecimento emoutras frentes. Após se formar, busque algo na área escolhida paraentender, na prática, o que é trabalhar no mundo corporativo.

.

Artigos relacionados

Dicas para estudar para o Enem!

Estudar para o vestibular pode ser um desafio, mas com a abordagem certa, você pode se preparar de maneira eficaz. Confira aqui algumas dicas!

Ler artigo completo →

Cursinho Preparatório tem início com 150 aprovados, 115% a mais que no ano passado

Programa busca conectar jovens estudantes da rede pública a melhores oportunidades de educação no ensino médio. Confira os registros e os números do Processo Seletivo!

Ler artigo completo →

O poder da educação de qualidade para promover transformações sociais

Uma reflexão sobre a importância do acesso a uma educação transformadora para a formação dos protagonistas do futuro

Ler artigo completo →